quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Murro em ponta de faca


Hoje definitivamente tô injuriada.
Por quê?
Bom porque tinha como meta colocar Ricardo pra dormir na cama dele , houve uma tentativa no inicio do ano com algum sucesso , mais com esse negocio de mudança não foi eficaz.
Então comecei de novo a luta esta semana já na casa nova.
Conversei com Ricardo , dei banho relaxante , contei história e cama , deixei luzinha acesa pra não dar medo , boneco pra fazer companhia .
De segunda pra terça , veio a nossa cama e depois acabou indo e dormindo na cama dele.
Mas hoje a sabotagem começou , digo isso pq é assim que me sinto quando tento levar Ricardo pra cama dele e não encontro apoio do marido que sei que sente dó e acaba deixando ele ficar .
O fato de deixar o fofo conosco afeta e muito a nossa vida e a dele , o sono é irregular , diminui a intimidade - afinal quem namora com filho na cama - eu não consigo, entre outras coisas que medico e psicólogos dizem.
Me sinto dando murro em ponta de faca , pois parece que estou sozinha nessa empreitada, fico mau humorada , desmotivada.
Ricardo já percebeu que papai deixa ficar e se aproveita disso, vem sorrateiro e pede ao pai que o deixe ficar e que acaba arrumando desculpas pra deixar como hoje "ele estava frio" - claro que estava frio afinal de vir da cama dele pra cá esfriou. tinha cobertor suficiente .
Tõ aceitando sugestões pra liquidar o caso .

Bjs frustrados e mau dormidos

7 comentários:

Maira disse...

Aio amiga muito complicado e acho que não sou a melhor pessoa pra dar conselhos, pq. minhas 2 filhotas pegão no sono na "camona", eu deito cedo com elas, mas qdo. marido vem dormir, coloca cada uma no seu quarto; masss no eu caso acho que vai ter que conversar sério é com marido, menino esperto já percebeu que encontra apoio.
Bjs. solidários.

Bárbara disse...

Ai amiga... Dificil viu... Se marido é a favor da cria, tudo fica mais complicado mesmo...
O que eu fiz, foi deixar a Ellen dormir no nosso quarto, mas não na cama... Coloco o colchão pra ela no chão, e se quiser é assim, senão vai pra cama dela... Funciona, mas faço isso só no frio, no calor, cada um em seu canto... E caso ela durma na minha cama ou na sala, não coloco colchao no chão, levo ela lá...
Mas foram mtas vezes até que desisti, pq ninguém merece levantar a noite toda levando criança pro quarto... O negócio é falar com marido mesmo... Se o Ricardo ja percebeu que ele apoia, vai sempre se aproveitar disso...
Bjs
:)

Elen disse...

Ai menina, que complicação...

antes de qualquer coisa, vai ter q sentar e conversar com o marido, pq na cabeça do filhote deve tar rolando um confusão...

a Ester passou a dormir no quarto faz 3 meses, durante 2 dias reclamou, acordou, quis vir pra minha cama, mas fui firme e coloquei na cama dela.

desejo boa sorte nessa conversa

abraços cheirosos

Maria Lúcia disse...

Oi
É muito chato essa situação,
Só que passa sabe com é
difícil.
Os meus meninos são moços
Quando eram crianças levar pra cama
a noite inteira.
Beijos...
Lúcia.

Vanessa Porto disse...

Amiga,

Como eu já te disse eu não posso te ajudar, pois sou do time do teu marido. E o meu caso é pior, não é por dó não, é pura preguiça do trabalho que dá ficar carregando menino dormindo nas poucas horas de sono que tenho.
Eu e marido já estamos acostumados a dar as nossas escapadinhas durante a semana e findis pra namorar.
Te desejo toda a sorte do mundo e vou ficar aqui aprendendo OK?
bjs

HSLO disse...

Xi...que situação amiga.


abraços


Hugo

Alessandra disse...

oi voltei a blogar e vc continua na minha lista dos preferidos.Parabéns pela casa, dá uma satisfação imensa né mesmo?
Da uma passadinha lá no meu blog,Beijos.